Livro: Adultos sem filtro e outras crônicas ♥

cult_thalita_matOi gente!

Bom, hoje quero lhes apresentar um livro classificado por mim como: divertido, verdadeiro, e que não dá vontade de parar de ler. E este é “Adultos sem filtro e outras crônicas”, a autora é Thalita Rebouças, provavelmente vocês já a conhecem e talvez já tenham lido algum livro dela como: Fala sério, mãe!

Neste novo exemplar a autora procura atrair um público mais adulto, porém isso não quer dizer que adolescentes, jovens não possam imaginar os episódios ali descritos. De um jeito bem- humorado conta passagens de sua vida, um exemplo é a crônica “Gente que fala”. Revela alguns “segredos”. Ao ler me senti conversando com uma amiga agitada, feliz e que sempre quero por perto. Acredito que o mesmo acontecerá com vocês.

Para quem gosta de decifrar as mensagens ali descritas, creio que encontrará uma leitura contínua (como um curso de um rio) e alegre. Já quem tem um pouco de preguiça, este é um livro perfeito. É pequeno, não é um romance, ou seja, não precisa ler em ordem, e nada cansativo, além de provocar algumas risadas. Espero que tenham gostado da dica e que leiam!

Beijos, Duda ♥

Anúncios

Mau agouro? Nunca!

 Image

É engraçada a visão que muitas pessoas – infelizmente – têm da leitura. Falam que é chata, uma “perda de tempo”, que não leva a nada, e por aí vai…

Outro dia estava à praia, sentada sob a sombra do meu guarda-sol com um exemplar de J.K. Rowling à mão. Eis que escuto

– Oh a empada! Da praiaaaa! Oh a empada! Empadinha passando!

Eu amo empadas, decidi comprar uma e chamei o vendedor.

– Moço! Mooço! Aqui.

Ele vem na minha direção, quando chega ao invés de me perguntar “Qual o sabor? Tem frango, palmito, bacalhau, queijo, frango com catupiry, camarão…” o ser me diz.

– Oh dona, desse jeito tu vai atrair é chuva.

Segui a direção de seus olhos que apontavam diretamente para minhas mãos, com um jeito de reprovação. E quem estava lá era o meu livro – sim, meu livro não é um “objeto”, pra mim, e sim uma pessoa linda, por isso o “quem“-. Isso me deu uma raiva, primeiro ele me chamou de “dona”. Como? Se eu tenho só 16. Dona é a mãe dele. Segundo que da maneira como disse parecia que ler à praia fosse um mau agouro! Como se eu estivesse cometendo um crime: o de tirar o sol dali, apenas por estar me divertindo com a história escrita naquelas páginas. Senti-me ofendida e logo rebati.

– Desse jeito você que não vai atrair cliente, passar bem… bem longe de mim.

O vendedor saiu de perto resmungando. Não estou nem aí. Quem mandou falar mal? Ai, ai, ai. Eu acho que é ali é local onde se pode fazer de tudo, contanto que respeite o ambiente e que não seja perigoso. É uma área para relaxar, ser feliz. Cada um tem um jeito de obter descanso, paz diferente e o meu é esse, lendo.

Continuei no capítulo em que havia parado, o sol continuou forte e brilhoso o tempo que permaneci lá. No fim quem se deu mal foi o vendedor com seu comentário ruim e sem pensar.

                                                                        Eduarda Vaz

Livro: Apaixonada por palavras

IMG_3904 Todo mês vou escolher um livro e contar sobre ele para você. E o primeiro da lista é “Apaixonada por palavras” da Paula Pimenta. Confesso que comprei apenas porque me identifiquei com o nome, não li contracapa e nem nada. Bati o olho no título e pensei “Sou eu!”. Nem esperei chegar em casa para começar a ler.

 Ele reúne crônicas que a autora escreveu em datas diferentes, todas são publicadas no site “Crônica do dia”. Depois do que eu vi e senti com o livro vou virar frequentadora assídua desse lugar.

 Bem, em 3 dias lendo ( porque fiquei com dó de acabar rápido) já me sinto amiga da Paula, estou íntima até no modo de referi-la. Ela escreve de um jeito simples e incrivelmente verdadeiro. Escolhe cada palavra naturalmente, tornando a crônica, vivida por ela algum dia, ainda mais especial.

 É impossível que em meio todas as letras marcadas no papel, alguém não se identifique, sinta que a sua história, seu sentimento, seu ponto de vista esteja escrito naquele texto. É engraçado e real. Eventos cotidianos que muitas vezes passam despercebidos aqui ganham a verdadeira atenção.

 Recomendo para você, e todas as outras pessoas. É ótimo para quem não tem paciência de ler um romance, por exemplo. Porque cada uma narrada, tem em média 2 páginas. Vou colocar o nome das que eu acho melhores abaixo. Espero que gostem, que tenham vontade de lê-lo e se apaixonar por ele e é claro, assim como eu e Paula, pelas palavras!! Lembre-se de me manterem informada, beijos e boa leitura… Quem sabe.

Regime sazonal
Apaixonada por palavras
Mortos-vivos
Eternamente
Sem fio, sem charme
O vírus do amor
Bem guardado
Ani-versário

                                                                                                                           Eduarda Vaz

Livro novo !!

3749494831

Eu estou gostando muito de ler nessas férias, li uns 3 livros em um mês, coisa que eu fazia em uns 5 (podem me bater, mas eu não tinha animo para pegar um livro e ficar lendo). Então aproveitando essa “vibe”, eu comprei vários livros, alguns eu já até mostrei aqui, como “A Parisiense” e “Viajante Chic”, que são ótimos !
Tem um que eu comprei faz tempo e que só tive coragem de começar a ler agora (são 460 páginas, me assustou no começo ! #vergonha ), mas que é ótimo, e eu estou lendo que nem uma doida, o nome dele é “Aprendendo a ser Top Model” da autora e ex-modelo Robin Hazelwood.
Pelo nome parece ser que é um manual para aquelas pessoas que querem ser modelo, e blabláblá, mas não há nada disso. A história se passa no final dos anos 80, conta a história da Emily Woods, uma adolescente que quer ser modelo, assim como todas na época dela, mas também quer estudar, curtir sua família, suas amigas e, mais que tudo, manter seus valores, sua personalidade e sua dignidade intactos. Depois de percorrer, com sucesso, o mundo glamouroso dos modelos de sucesso, o sonho vai se delineando, mostando-se como é, um mundo complicado, de concorrência, de quem abre mãe de si mesmo para estar lá, no alto.
Num tom muito bem-humorado, o livro mostra os bastidores desse mundo que explodiu em cenas e fotos durante os anos 1980, visto com desejo e gula por tantas garotas aspirantes a modelo. Numa linguagem simples, a obra desvenda os caminhos que levam à fama ou, em última instância, ao esquecimento e, infelizmente não raro, às doenças, e à morte.
Achei para vender on-line nas Lojas Americanas e está em promoção, R$: 29,90 !

Espero que gostem !!